27 de janeiro– dia da memória do holocausto /dia da libertação dos prisioneiros de Auschwitz

No âmbito da disciplina de Cidadania e Desenvolvimento e ainda no domínio dos Direitos humanos (neste caso violação de todos os direitos humanos), a turma do 11ºE quis dar visibilidade a este acontecimento - que nos desperta para o nazismo e  o holocausto -  dando o seu contributo para que não caia no esquecimento e não volte a acontecer.

No dia 27 de janeiro assinala-se o 76.º aniversário da libertação do campo de concentração de Auschwitz, o mais mortífero campo de concentração e extermínio, pelas tropas soviéticas, em 1945, onde cerca de 1,1 milhão de pessoas morreram. Quando os soldados entraram naquele campo encontraram vivos milhares de prisioneiros esqueléticos e exaustos, alguns mal se mantendo de pé, muitos outros deitados no chão, apáticos (os nazis tinham retirado a maioria dos prisioneiros, obrigando-os a marchar rumo ao oeste da Alemanha nas "marchas da morte). 

Milhões de pessoas morreram durante o holocausto – apenas porque eram judeus (homens, mulheres, crianças, velhos), opositores políticos - sociais-democratas, comunistas -  ciganos, homossexuais, testemunhas de Jeová, deficientes, negros ou prisioneiros de guerra, etc..

Holocausto 001 mini

Holocausto 002 mini

Comunicação Escola-Família e Plano TE@DESLA    (atualizado)
IMPLEMENTAÇÃO DO SISTEMA DE TAKE - AWAY    AQUI
Nova Lista das escolas de acolhimento   AQUI
Plano de Contingência ESLA - 2020-2021   AQUI
   
   
   
   
   
   
© 2019 AESLA. All Rights Reserved. Designed By JoomShaper

Please publish modules in offcanvas position.